terça-feira, 26 de março de 2013

Briga entre gangues acaba em assassinato de jovem em Nhamundá



                  Raiandro Soares, 18, foi assassinado na madrugada de sábado (23)

Raiandro Soares, 18, foi assassinado na madrugada de sábado (23), por volta de 1h30, na praia da Liberdade, município de Nhamundá. A morte do jovem atingido com duas estocadas teria sido resultada após uma briga entre gangues rivais daquela cidade.
O jovem deixou dois filhos pequenos e morava no Beco S.A. Cinco envolvidos na briga foram presos em flagrantes pela polícia, inclusive o autor das estocadas.   

Insegurança

O funcionário público Carley Gama de Azevedo, 33, em contato com a reportagem do Gazeta Parintins, falou sobre a insegurança que vive a terra das Icamiabas, como é conhecido o município, que embora pequeno (cerca de 20 mil habitantes), não é mais pacato. Segundo ele a morte de Raiandro é o quarto ou quinto homicídio nos últimos anos na localidade.
“Saudade do tempo em que Nhamundá era apenas um lugar tranquilo e calmo, onde a violência passava longe. Infelizmente nos últimos anos aconteceram muitas mortes em nossa cidade, existem grupos de galera, alto consumo de drogas, vemos adolescente e até crianças se drogando, bebendo. Fico indignado com essa situação. Peço às autoridades, à justiça que faça alguma coisa por nós”, desabafa Carley Gama.

Combate

Preocupado com a situação do município, o Major Valadares, comandante do 11º Batalhão de Polícia Militar, informa que a partir da prisão dos elementos envolvidos na briga que resultou na morte de Raiandro, a polícia vai estabelecer um padrão de policiamento ostensivo para combater gangues e galeras que há muito tempo não se via nos municípios do Baixo e Médio Amazonas.

Por Geandro Soares

Nenhum comentário:

Postar um comentário